Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

“Casa Ardente” na Casa Independente….

A Produções Incêndio é uma produtora lisboeta que se dedica à divulgação e promoção de eventos inovadores e culturalmente diversificados. Em pouco mais de um ano de existência, organizaram inúmeras sessões, que passaram pelas várias vertentes artísticas, como música, cinema, dança, poesia, teatro, pintura, performance, video art e muito mais

CASA ARDENTE 21-1

Em 2017 regressam com 2 novas datas. Dia 21 de janeiro organizam a primeira de 2 sessões na Casa Independente, em Lisboa sob o nome “Casa Ardente”. Será a primeira edição de Residência artística na Casa Independente num formato que une Ilustração (Exposição de Mafalda Pestana) e Música (os concertos que serão Inauguração e Encerramento da já mencionada Exposição de Filipe Sambado e Jasmim) e um DJset do Eixo do Mal

 

Casa Independente (Lisboa)

21 de Janeiro 2017 | 22.00h

Pozzo…. no Cine-Teatro de Estarreja

Estranhamente surreal, um intérprete desdobra-se em diferentes personagens, numa performance que privilegia a investigação sobre o clown contemporâneo e o trabalho de máscara, além da música tocada ao vivo. Pozzo é um espetáculo cómico, interativo, interventivo e absurdamente cheio de sentido. Este é o ponto de partida para o novo espetáculo dos criadores de “Lullaby”, que percorreu o país em 2015 e recebeu vários prémios no Imaginarius (Portugal), Circada (Sevilha) e Fringe Festival (Edimburgo).

4-Pozzo

 

Criação e dramaturgia: Carlos Reis e Rui Paixão

Interpretação: Rui Paixão

Música ao vivo e sonoplastia: Carlos Reis

Desenho de luz: Manu

Cenografia: Cristóvão Neto

Co-produção residência criativa: d’Orfeu AC / Cão à Chuva, Fafe Cidade das Artes

 

Cine-Teatro de Estarreja

13 de Janeiro 2017 | 21.30h

“La La Land: Melodia de Amor” arrebata 7 Globos de Ouro…

Estreia nas salas de cinemas portuguesas no próximo dia 26 de janeiro e já é um dos filmes mais aguardados da temporada: o filme “La La Land: Melodia de Amor” acaba de conquistar 7 Globos de Ouro, tendo vencido em todas as categorias para o qual estava nomeado, quebrando assim o recorde que pertencia aos filmes “Voando Sobre Um Ninho de Cucos” e “O Expresso da Meia-Noite”, ambos premiados com 6 Globos de Ouro.

Captura_de_ecra_2017_01_09_a_s_17_01_36

A música de “La La Land: Melodia de Amor” foi distinguida com os Globos de Ouro para Melhor Banda Sonora (da autoria de Justin Hurwitz) e Melhor Canção Original (para “City of Stars”, interpretada pelo ator Ryan Gosling, premiado ainda com o Globo de Ouro de Melhor Ator num Filme Musical ou Comédia), prémios entregues pelo cantor Sting.

Antes de chegar às salas de cinema, a banda sonora será editada em Portugal, já no próximo dia 20. O disco inclui as composições originais deste musical, escritas e orquestradas por Justin Hurwitz, temas interpretados pelo elenco e protagonistas do filme, Ryan Gosling e Emma Stone (que também foi premiada com o Globo de Ouro de Melhor Atriz num Filme Musical ou Comédia) e ainda a canção “Start A Fire”, interpretada por John Legend. Os Globos de Ouro foram entregues na noite de domingo, em Hollywood, numa cerimónia apresentada por Jimmy Fallon.

 

  1. "Another Day Of Sun” (La La Land Cast)
  2. Someone In The Crowd" (Emma Stone, Callie Hernandez, Sonoya Mizuno, Jessica Rothe)
  3. "Mia & Sebastian’s Theme” (Justin Hurwitz)
  4. "A Lovely Night” (Ryan Gosling, Emma Stone)
  5. "Herman’s Habit” (Justin Hurwitz)
  6. "City of Stars” (Ryan Gosling)
  7. "Planetarium” (Justin Hurwitz)
  8. "Summer Montage / Madeline” (Justin Hurwitz)
  9. "City of Stars” (Ryan Gosling, Emma Stone)
  10. "Start A Fire” (John Legend)
  11. "Engagement Party” (Justin Hurwitz)
  12. “Audition (The Fools Who Dream)” (Emma Stone)
  13. "Epilogue" (Justin Hurwitz)
  14. “The End” (Justin Hurtwitz)
  15. "City of Stars (Humming)” (Justin Hurwitz featuring Emma Stone)

Antena 3 transmite festival Eurosonic Noorderslag 2017…

O Festival Eurosonic Noorderslag regressa a Groningen (Holanda) entre os dias 11 e 14 de janeiro e Portugal será o país em destaque na 31ª edição deste grande evento de promoção e divulgação da música ao nível europeu.

untitled

São 21 bandas e artistas nacionais a atuar nos vários palcos do Festival, que vai ainda contar com vários eventos dedicados ao panorama musical português. Portugal vai estar no centro dos olhares nesta montra musical europeia. Neste evento iremos ouvir nomes como: Rodrigo Leão, Gisela João, Papercutz, Batida, Best Youth, DJ Ride, Marta Ren & The Groovelvets, Memória de Peixe, Moonshiners, NEEV, Noiserv, The Gift, entre muitos outros.

 

A equipa da Antena 3 vai estar na Holanda a acompanhar a armada nacional com emissões diárias. Nos dias 11 e 12, a emissão da Antena 3 irá decorrer entre as 21h00 e as 24h00 e no dia 13 de janeiro entre as 20h00 e às 24h00. A emissão da Antena 3, irá incluir a transmissão de concertos e conversas com artistas e profissionais da indústria musical. O Eurosonic Noorderslag é um Festival e plataforma de networking musical a nível Europeu, com um currículo que comprova passados sucessos na promoção de novos talentos a nível mundial. Sempre esgotado, o evento atrai todos os anos perto de 4.000 profissionais da indústria, incluindo 400 representantes de festivais internacionais. Todos os anos, o Eurosonic Noorderslag apresenta showcases com mais de 350 eventos no total e um plano de conferências que abrangem os mais recentes e maiores desenvolvimentos das indústrias de música, media, produção e de interatividade.

 

Bowie 70… celebra David Bowie

Um elenco de luxo… Afonso Rodrigues (Sean Riley), Ana Moura, Aurea, António Zambujo, Camané, Catarina Salinas (Best Youth), Márcia, Marta Ren, Manuela Azevedo, Rita Redshoes, Rui Reininho e o próprio David Fonseca, emprestam a sua voz a alguns dos temas mais emblemáticos de David Bowie.

Layout 1

Chama-se ”BOWIE70”, e chega precisamente no ano em que Bowie completaria 70 anos. A coordenação artística e, ainda a interpretação de todos os instrumentos musicais, tem a assinatura de David Fonseca.

Nas palavras do músico português, “A ideia de fazer canções e versões do David Bowie assustava-me um bocadinho porque eu sou um fã gigantesco do trabalho dele, e muitas das músicas cruzam-se com a minha história pessoal. Mais do que um disco de versões, é mais uma espécie de uma carta de amor de um fã.”

 

Alinhamento de “BOWIE 70”:

  1. “Absolute Beginners” - Tiago Bettencourt
  2. “Modern Love” - Manuela Azevedo
  3. “Let´s Dance” - Afonso Rodrigues  
  4. “Life on Mars?” - António Zambujo
  5. “Space Oddity” - Camané
  6. “Blue Jean” - Catarina Salinas
  7. “Fame” - Marta Ren
  8. “Heroes” - Rita Redshoes
  9. “This is Not America” - Márcia
  10. “The Man Who Sold The World” - Ana Moura
  11. “Starman” - Aurea
  12. “Where Are We Now” - Rui Reininho
  13. “Lazarus” - David Fonseca

Bruno Camilo apresenta “Isto Devia Ter Um Nome”

Dois anos depois de editar “Turvo”, Bruno Camilo está de regresso com o segundo álbum “Isto devia ter um nome”. Nas palavras do músico este novo disco é “a história de alguém, que vive nas oito músicas, arrastando as cadeiras, arrumando as estantes, dançando de madrugada, onde cada moldura é um verso, e cada parede uma estrofe”.

15626014_1123038567795210_2746862039274119983_o

Neste novissimo trabalho foram convidados Paulo Antunes (bateria), Zito Tavares (baixo) e João Nunes (guitarra) para fazerem parte deste viagem, defenida pelo critico Rui Marujo desta forma; “"Enquanto vamos percorrendo os minutos iniciados em ‘Como é que isto se escreve’ e até chegarmos ao cair do pano em ‘Vi o fim’, a música e palavras de Bruno Camilo vão alimentando o imaginário e pintando o cenário de paredes, caminhos, travessas e becos (....)

Ao vivo, para além de tocar o novo álbum na integra, o músico apresenta temas do seu anterior trabalho e do seu primeiro projecto “A Cisma” (2013) vagueando por momentos do rock mais estridente ao soturno tom de piano a solo.

Campeões do mundo Beatbombers apresentam espectáculo inédito no Eurosonic

A dupla DJ Ride e Stereossauro a.k.a. Beatbombers, que teve em 2016 um ano de sonho ao conquistar o título de campeã mundial do IDA (na Polónia) e de vice-campeã mundial de DMC (competição online), está confirmada no Eurosonic a 12 de Janeiro. Os Beatbombers levam ao evento holandês um set inédito, que irá misturar Hip Hop e electrónica com música tradicional portuguesa, dando especial destaque ao fado e guitarra portuguesa. No dia seguinte, Dj Ride actua também a solo.

beatbombers-1Esta mistura de géneros musicais tem sido amplamente desenvolvida pela dupla sendo inclusivamente factor de distinção nos vários concursos mundiais em que têm participado. Destas incursões destaca-se o remix da música "Verdes Anos", original de Carlos Paredes, para o qual foi recentemente lançado o vídeo oficial.

 

No Portugal Reception do Eurosonic 2017, festival que este ano tem Portugal e a sua cultura em destaque, os Beatbombers apresentam um espectáculo que cruza tradicional e urbano e revisita o património musical de um país com um olhar contemporâneo.

Luta contra a discriminação com base na orientação sexual e na identidade de género

A ILGA Portugal atribui anualmente os Prémios Arco-Íris como forma de reconhecimento a personalidades e a instituições que, com o seu trabalho, se distinguiram na luta contra a discriminação com base na orientação sexual e na identidade de género. Carlos Costa é convidado a actuar na gala, que tem lugar já no próximo sábado 14, a partir das 21h30, no Estúdio Time Out do Mercado da Ribeira.

5d0595c8-5631-49a9-b697-d71633c1aa5a

Poucos artistas em território nacional terão lutado tanto como Carlos Costa na preservação da sua entidade. As críticas e polémicas de que tem sido alvo nos últimos anos, a título gratuíto na sua grande parte, têm feito justiça ao ditado: o que não te mata, torna-te mais forte. Para esta noite, Carlos Costa preparou uma apresentação especial para esta noite.

 

A noite contará também com atuações de Rita Redshoes, e do coro CoLeGaS. A festa prolonga-se pela madrugada, com Moullinex, MCDJ e Candy Fur.

"Survive", o mais recente vídeo de Carlos Costa, é um tema que mantém o fio condutor na estética do artista. Com produção executiva do próprio (que também assina a letra da canção), conta com a participação de Gonçalo Quinaz. "Survive" pretende ser uma canção de protesto em relação ao dias em que vivemos. Ou melhor, sobrevivemos. Depois de ter dado vida a Tequila, Carlos veste a pele de um jovem rebelde que destrói literalmente a sua vida num turbilhão de péssimas e inconsequentes escolhas. Num "mini-filme" onde a inconsciência e a falta de noção andam "de mãos dadas" com uma tragédia iminente, o cantor e ator reinventa-se.

 

London Grammar estão de volta com o single “Rooting For You”

Quatro anos depois de se terem revelado ao mundo como um dos projetos da música pop mais entusiasmantes da atualidade, o trio London Grammar está de volta com um novo single, intitulado “Rooting for You”. A nova canção do trio britânico já conquistou a imprensa especializada, tendo recebido vários elogios nos últimos dias.

LG_press_square

“Ouvir o novo single dos London Grammar é como experienciar um pôr do sol lindo.” (Noisey); “Uma balada viva e delicada.” (Stereogum); “A canção contém todos os elementos que nos chamaram a atenção desde o primeiro momento: a voz evocativa e assombrosa de Hannah Reid, uma instrumentação subtil e um lirismo profundo.” (Pigeons & Planes); “Hipnotizante.” (Idolator)

Os London Grammar surgiram em 2013, tendo recebido logo o prestigiante prémio Ivor Novello pelo single “Strong”, além de terem sido nomeados para um BRIT Award. O álbum de estreia, o muito aclamado pela crítica “If You Wait”, alcançou a dupla platina no Reino Unido (com mais de 600 mil cópias vendidas), sendo que mundialmente vendeu mais de 1,5 milhões de exemplares.

Desde então deram concertos esgotados na Europa, Austrália e Estados Unidos, atuaram em festivais como Glastonbury e apresentaram-se em talk shows como “Late Night with Jimmy Fallon”. O regresso dos London Grammar é, por isso, um dos mais aguardados do ano e o single “Rooting For You” é o início de uma série de surpresas que o trio está a preparar para 2017

Festival do Dia dos Namorados regressa com mais dias, artistas e mais cidades...

O primeiro festival do ano de 2017 regressa reforçado....

‘Montepio às vezes o amor’ apresenta-se nos dias 11 e 14 de Fevereiro em 12 cidades, de Viana do Castelo a Faro, com 12 concertos especiais em que renova a sua aposta na música nacional. Rui Veloso, Jorge Palma, Deixem o Pimba em Paz (com Bruno Nogueira e Manuela Azevedo), Amor Electro, Aurea, HMB, Gisela João, Raquel Tavares, André Sardet, Rita Guerra, Paulo Gonzo e João Pedro Pais são os nomes anunciados para quebrar o frio de Fevereiro e aquecer 12 palcos nacionais com as suas emblemáticas canções.

banner cartaz completo

 

Depois de esgotados todos os concertos nas edições anteriores, nesta que será a 3ª, o festival do Dia dos Namorados promete espalhar o amor por mais cidades: Aveiro, Beja, Coimbra, Faro e Viana do Castelo são algumas das novas capitais do amor que se juntam a Castelo Branco, Leiria, Lisboa, Porto e Vila do Conde, que recebem o festival mais uma vez.

Em 2017 todos os corações apaixonados e os amantes de boa música, poderão celebrar o dia de São Valentim duas vezes e em algumas das mais belas cidades portuguesas. Agora só tem que escolher a que concertos vai levar a sua cara metade!

 

11 de Fevereiro 2017 – Centro Cultural Viana do Castelo – Rui Veloso

11 de Fevereiro 2017 – Teatro Aveirense – Jorge Palma

11 de Fevereiro 2017 – Cine-Teatro Avenida (Castelo Branco) – Áurea

11 de Fevereiro 2017 – Teatro Municipal (Vila do Conde) – HMB

11 de Fevereiro 2017 – Cine-Teatro Pax Júlia (Évora) – Raquel Tavares

11 de Fevereiro 2017 – Centro Cultural e Social do Olival (Gaia) – Rita Guerra

 
 

14 de Fevereiro 2017 – Coliseu dos Recreios (Lisboa) – Deixem o Pimba em Paz

14 de Fevereiro 2017 – Coliseu (Porto) – Amor Electro

14 de Fevereiro 2017 – Convento São Francisco (Coimbra) – Gisela João

14 de Fevereiro 2017 – Teatro José Lúcio da Silva – André Sardet

14 de Fevereiro 2017 – Teatro das Figuras (Faro) – João Pedro Pais

14 de Fevereiro 2017 – Centro de Congresso do Arade (Lagoa) – Paulo Gonzo

 

 

 

Captain Boy estreia “1” a 27 Janeiro…

Captain Boy lança o seu álbum de estreia “1” a 27 de Janeiro. Depois do EP homónimo editado em 2015, Captain Boy apresenta o primeiro trabalho de longa duração, a primeira viagem do cantautor, batizado de “1”. Em 2016 conhecemos "Tango", um tema a que o Artista chamou de "aperitivo" ao novo disco, e "Honey Bunny", o primeiro singe de "1" cujo vídeo estreou a 17 de Outubro. O segundo single do álbum chama-se "Sailorman" e já toca nas rádios desde o início do ano.

15781738_1190360697725788_4896757499532421732_n

O primeiro concerto da Tour "1" será no dia 27 de Janeiro no Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, a cidade natal do Artista. Neste concerto Captain Boy vai mostrar pela primeira o seu álbum num espectáculo que conta com algumas surpresas. O Puto Capitão vai também passar pelo Alter Ego Music Sessions, em Sever do Vouga, e volta a apresentar-se em Espanha, onde já tinha estado em 2016.

 

Assim como o mar, Captain Boy é imprevisível, transformando todos os concertos numa viagem distinta. Estas são as primeiras datas dessa viagem:

 

27 de Janeiro 2017 - Centro Cultural Vila Flor (Sons de GMR) (Guimarães)

4 Fevereiro 2017 - CAE (Alter Ego Music Sessions) (Sever do Vouga)

11 Fevereiro 2017 - Showcase Fnac Santa Catarina (17h00)

11 Fevereiro 2017 - Showcase Fnac Marshopping (22h00)

18 Fevereiro 2017 - Showcase Fnac Guimarães (17h00)

18 Fevereiro 2017 - Showcase Fnac Braga (22h00)

3 Março 2017 - Riquela Club (Santiago de Compostela)

“Se me deixasses ser”… o novo single de Tiago Bettencourt

“Se me deixasses ser” é o nome do novo single de Tiago Bettencourt, que é editado hoje. Este tema é o primeiro a ser apresentado do novo disco do artista cuja edição está prevista para o primeiro semestre do ano.

Tiago Bettencourt - capa single final

Segundo Tiago Bettencourt, este foi o ambiente que envolveu esta música e através do qual ela foi construída: “Percebi o caminho que a canção ia tomar quando estava  com a banda numa quinta em Marçal do Chão. Estava calor, as janelas abertas e os instrumentos montados na sala. Foram dias em que as tardes entardeciam sem pressa e a canção saiu também ela cheia de ar, embora o resto do arranjo tenha crescido em minha casa, num pequeno espaço sem janelas.

Os teclados trazem de volta universos que já vivi, mas sem querer ser Passado outra vez. Há uma melancolia reconfortante em determinados sons e foi isso que procurei para ilustrar a letra. É uma canção contida, mas intensa. Pode ser uma promessa, ou um sonho, ou uma ambição. Fala daquilo que queremos ser quando alguém confia em nós. Se o conseguimos ser é outra história, este é apenas o momento em que se acredita, o segundo cego em que se contempla essa inocência e a entregamos frente a um precipício como se não existisse tempo ou espaço ou cicatrizes pelo corpo.”

Escolas e IPSS recriam Traje das Fogaceiras…

O Centro de Recursos Educativos Municipal (CREM) integra as comemorações da Festa das Fogaceiras com mais uma exposição “Reinventar o Traje das Fogaceiras”. Este projeto, dirigido às escolas EB1, jardins-de-infância e IPSS de todo o concelho de Santa Maria da Feira, convida a recriar de forma artística o tradicional traje das fogaceiras.

Reinventar o Traje das Fogaceiras_imagem

O desafio é intervir num vestido branco, utilizando diversos materiais como a cortiça, jornais, tampas, tintas, tecidos, entre outros. A edição de 2017 conta com 76 trajes recriados e poderá ser visitada nos dias 19 e 20 de janeiro, entre as 10h00 e as 18h00, na Praça Gaspar Moreira, junto à Câmara Municipal.

 

Tal como em edições anteriores, os visitantes desta exposição terão à disposição um boletim para votar no seu vestido favorito. A escolha dos três trajes premiados contará, também, com a participação de um júri, sendo a lista de vencedores divulgada no dia 23 de janeiro, no website do CREM (www.crem.pt.vu) e nas páginas do facebook associadas ao evento.

Depois da mostra em Santa Maria da Feira, a exposição estará patente no Centro Comercial 8ª Avenida, em São João da Madeira.