Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Agenda: Severa… O fado de um fado

O fado e a música clássica cruzam-se em “Severa”, projecto de Ana Barros e Bruno Belthoise que explora novas abordagens de renovação estética, visual e temática. Tendo recebido o apoio e o carimbo de qualidade do Museu do Fado, esta é uma iniciativa que parte da vida de Severa, cantora que “espalhou” o fado por Lisboa na primeira metade do século XIX e que continua hoje a instigar a nossa curiosidade. Com apoio artístico de João Braga, o projecto pretende retratar a história do Fado, ao mesmo tempo que todos os fados têm poemas que retratam a vida da própria Severa.

severa.jpgO projeto mereceu a colaboração da Antena 2, do Instituto Camões, do Prof. Dr. Rui Vieira Nery (consultor científico), da Pure Sound e, como já foi referido, do próprioMuseu do Fado.

 

Ana Barros obteve o seu Diploma em Canto na Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo do Porto (ESMAE), em 2001, tendo frequentado as classes de Rui Taveira e Fernanda Correia. Entre 2003 e 2006 foi membro do Estúdio de Ópera da Casa da Música, onde trabalhou com Peter Harrison, Lorna Marshall e Jeff Cohen. Em diversas ocasiões frequentou cursos de técnica vocal e interpretação com alguns dos maiores mestres da atualidade, como Jill Feldman, Philip Langridge, Gundula Janovic, Jeff Cohen, Laura Sarti e Elisabete Matos.

Em Portugal, teve a oportunidade de cantar sob a direção de vários maestros (José Luís Borges Coelho, Antonio Saiote, Manuel Ivo Cruz, Martin André, Christoph König, Giovanni Andreoli e Marc Tardue, entre outros) e de pisar os palcos de alguns dos melhores teatros do país (Teatro Rivoli, Casa da Música, Coliseu do Porto, Fundação Calouste Gul¬benkian, Teatro Nacional de São Carlos, São Luiz Teatro Municipal, Teatro da Trindade e Culturgest). Trabalha desde 2014 com o pianista de Bruno Belthoise na criação do espetáculo “Severa — o fado de um fado”, evocação moderna da grande figura mítica Maria Severa.

 

Bruno Belthoise, pianista, natural do Porto, obteve em Maio de 2011, com distinção, o grau de Doutor em Artes Musicais com Especialização em Piano pela Universidade do Kansas (E.U.A.), onde trabalhou durante cerca de 6 anos com Sequeira Costa e onde já obtivera antes, em Maio de 2006, o grau de Mestre em Interpretação Musical. Recebeu de Sequeira Costa (aluno de Vianna da Motta, Mark Hamburg, Edwin Fischer, Marguerite Long e Jacques Février) os mais valiosos conhecimentos pianísticos na tradição da Era Dourada do Piano.

Iniciou os estudos musicais aos 4 anos na Associação “Os Gambozinos”, prosseguindo, aos 6 anos, os estudos de piano com a prof. Norma Silvestre. Concluiu o Curso Complementar de Piano, em 2000, no Conservatório Regional de Gaia, na classe do Prof. Luís Filipe Sá, com 20 valores, e em 2004 a Licenciatura em Piano na ESMAE, na classe do mesmo professor, com as mais elevadas classificações. Tem-se apresentado em público com regularidade, em salas e festivais de reconhecida relevância cultural, sobretudo em Portugal mas também nos E.U.A e em vários países da Europa, em recitais a solo, música de câmara, e com orquestra, muitos deles radiodifundidos pela RDP-Antena 2.

Das próximas apresentações destacam-se o recital a solo para a Casa da Música a realizar-se a 1 de Março de 2016 que será preenchido com um programa totalmente dedicado à música russa.

 

Auditório Municipal de Gaia

25 de Setembro 2015 | 21.30h