Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Os Italianos IANVA são a primeira confirmação do Entremuralhas 2016

São oito os músicos que dão corpo aos italianos IANVA (pronuncia-se “ya-noo-ah”), colectivo que chega de Génova e que, à sétima edição do festival ENTREMURALHAS, se estreia, finalmente, em Portugal. O grupo, onde pontificam elementos oriundos de diferentes quadrantes estéticos, é detentor de um universo musical facilmente identificável, o que lhes confere personalidade e um território sonoro próprio.

00033.jpgAs suas composições, repletas de arranjos que tanto nos remetem para a música popular italiana como para as vielas pecaminosas do pigalle parisiense, toca-nos pelo apelo poético que permanentemente as percorre. E é aí que verdadeiramente nos rendemos, ao sermos embalados no exotismo latino da língua em que cantam e que exorta sentimentos da alma transalpina, como a paixão, a ousadia ou a dignidade. De resto, a apologia do passado, inspirado nalguns dos acontecimentos históricos mais relevantes do seu país, é invocado por entre influências assumidas dos pioneiros da new wave conterrânea até aos seus mestres da sétima arte como Ennio Morricone, Bruno Nicolai, Armando Trovajoli, Franco Micalizzi ou Stelvio Cipriani. Na amálgama de figuras que os inspiram a banda coloca ainda nomes como Scott Walker, Marc Almond, Fabrizio De Andrè, Piero Ciampi e Jacques Brel.

Em suma, os IANVA são senhores de uma sonoridade empolgante, cinemática, às vezes épica outras vezes introspectiva, mas sempre com uma indelével capacidade de nos prender a atenção de uma forma absolutamente arrebatadora. A música ligeira tricolor encontrou nos IANVA a sua mais esplendorosa e exuberante dimensão, tornando este grupo de excepcionais músicos num dos mais fascinantes estandartes da “vecchia” península itálica

 

Fotografia: Giulia Bellemo